segunda-feira, 23 de agosto de 2010

sobre os últimos acontecimentos

Eu queria poder dizer que sim, está tudo bem.
Mas não, não está tudo bem.
Ah, eu posso conviver com isso. Tudo bem. Acontece muito disso por aí.
Mas dói, sabe!? Machuca, incomoda. Divide. 
Aí eu me pego pensando milhões de vezes por dia por-que-comigo-será-que-eu-mereço-mesmo?
Sim. Eu mereço. Tudo. Tudo é como tem que ser.
O que nos resta é passar por isso. Superar. Seguir adiante. Ir em frente. 
Mas a grande pergunta é, até quando eu aguento...?
Isso é o que dá mais medo.

0 comentários: